Foram iniciadas inscrições presenciais do Programa Emergencial

O formato foi aberto para aqueles que não possuem smartphone, internet, ou que tenham alguma dificuldade para realizar o cadastro.

13/05/2021 as 14:42

Inicialmente realizada pela internet, as inscrições para o Programa Emergencial de Auxílio-Desemprego e Qualificação Profissional lançado pela Prefeitura de Bragança Paulista agora estão sendo feitas presencialmente no Ginásio de Esportes Dr. Lourenço Quilici (Lourenção), das 8h às 16h.

 

As inscrições presenciais foram abertas na última segunda-feira (10/05), para aqueles que não possuem smartphone, internet, ou que tenham alguma dificuldade para realizar o cadastro, e se encerram no dia 25 de maio. Até o momento, presencialmente, foram feitas 118 inscrições, sendo 62 mulheres e 56 homens. No total, 2.041 pessoas já se cadastraram no programa.

 

Para se inscrever via internet, basta acessar o link https://forms.gle/9yLJBKnqsjq5Z2Hs7 e preencher o formulário. Posteriormente, os cadastrados serão avaliados através de seleção pública, baseada em critérios socioeconômicos.

 

A meta é de até 1.500 bolsas-auxílio para qualificação profissional, sendo que 5% será destinado para as pessoas com deficiência física, com o pagamento mensal de R$ 1.000,00 por 8 horas diárias de qualificação através de cursos e prática através de prestação de serviço à comunidade, visando a elevação de conhecimento profissional, escolaridade e alfabetização.

 

A Frente de Trabalho visa absorver a mão de obra de mulheres e homens desempregados em razão da pandemia e proporcionar a ocupação (emprego), renda e a qualificação profissional. O programa terá jornada semanal de 40 horas, sendo 35 horas de prestação de serviços e 5 horas destinadas à frequência nos cursos de qualificação.

 

A admissão de pessoal será pelo período de 12 meses, prorrogável por até 12 meses, para os serviços de limpeza pública, reparos de prédios públicos, conservação de áreas verdes, ajardinamentos de praças, canalização e manutenção de ribeirões e córregos, além de atividades comunitárias junto à população. Importante ressaltar que esse programa não gera vínculo empregatício com a Prefeitura, tendo em vista seu caráter assistencial e de formação profissional.