Siga nossas redes sociais →

Coreia do Sul aprova projeto que proíbe consumo de carne de cachorro, uma prática milenar do país

Publicidade

Coreia do Sul aprova projeto que proíbe consumo de carne de cachorro, uma prática milenar do país

Coreia do Sul aprova projeto que proíbe consumo de carne de cachorro, uma prática milenar do país

Carne de cachorro não vai mais poder ser consumida na Coreia do Sul

Projeto de lei que acaba com a prática secular foi aprovado por unanimidade pelo parlamento sul-coreano nesta semana. Além do consumo, o texto proíbe a criação e o abate de cães para esta finalidade a parir de 2027 e prevê prisão de dois a três anos para quem descumprir a regra.

Apesar de já ter sido aprovada no parlamento, a proposta precisa ser aprovada também pelo Conselho de Ministros da Coreia do Sul e ser ratificada pelo presidente Yoon Suk para virar lei – o que deve acontecer, já que o governo já se manifestou a favor da proibição.

Estima-se que, atualmente, até 1 milhão de cães sejam consumidos por ano na Coreia do Sul, mas o consumo, que é milenar vem diminuído nos últimos anos à medida que a presença de animais de estimação cresce nas residências do país. E principalmente as gerações mais jovens condenam o consumo de carne de cachorro.

Publicado por

Vitor Hugo

Vitor Hugo

Compartilhe esta notícia

Notícias relacionadas

Publicidade

Outras notícias