Siga nossas redes sociais →

iPhone vai mudar: confira novos recursos de IA que devem chegar ao celular

Publicidade

iPhone vai mudar: confira novos recursos de IA que devem chegar ao celular

A Apple deve anunciar novidades envolvendo recursos de inteligência artificial para iPhone e iPad em junho deste ano. Essa é a grande expectativa para sua conferência mundial de desenvolvedores, evento anual (cuja sigla em inglês é WWDC24), marcada para a semana entre os dias 10 e 14 de junho.

A Samsung, principal concorrente da Apple, trouxe como sua maior inovação de 2024 o Galaxy AI, um sistema integrado de inteligência artificial para agilizar uma série de tarefas. Por isso, é esperado que a empresa da maçã responda à altura nesse mesmo campo.

Essa informação foi levantada por Mark Gurman, jornalista da “Bloomberg”, que costuma ter boas fontes internas da Apple. Ele afirma que a atualização do sistema operacional iOS, da versão 17 para a 18, deve ser “a maior da história” – o que nos deixa com expectativa de que venham muito mais novidades, que ainda não conseguimos prever.

O que devemos esperar
Por enquanto, o que se tem são rumores. Nem o iOS 18 está confirmado ainda – embora seja óbvio que seu anúncio esteja programado para setembro, juntamente ao iPhone 16, tampouco confirmado até o momento. Mas é o que a Apple faz anualmente há mais de uma década, então dá para apostar sem medo.

O uso de IA mais aguardado nos aparelhos da Apple deve igualar o que a Samsung já apresentou. Isso quer dizer que, por exemplo, o aplicativo de mensagens deve poder escrever mensagens do zero a partir de um comando, ou ajustar o tom das mensagens escritas por você, alterando palavras e a forma da escrita para poder soar mais ou menos informal.

Navegador Safari deve ser capaz de resumir textos encontrados na internet para que você possa entender os principais tópicos, sem precisar fazer a leitura completa. Isso está em linha com o que já fazem robôs de conversação, como o ChatGPT, por exemplo.

É a chamada “IA generativa”, aquela que é capaz de produzir conteúdo – seja ele texto, imagem ou outros meios. Vale dizer que o iPhone já tem recursos de IA, como, por exemplo, seu sistema de identificação de duas imagens iguais. Mas a diferença está justamente na possibilidade de a IA criar algo novo, o que é a nova tendência do mercado.

Siri mais inteligente
Presente nos iPhones desde o iOS 5 em 2011, a Siri também pode ficar mais útil a partir do momento em que ela for turbinada por IA generativa. Por exemplo, Gurman especula que será possível pedir para ela gerar um GIF, unindo uma sequência de fotos e colocando-as em movimento.

Acessibilidade mais fácil
Para os recursos de acessibilidade, uma das novidades deve ser relativa ao Live Speech, função que oferece uma voz para pessoas com dificuldade de fala. Por meio dela, é possível digitar algo e fazer com que uma voz diga a frase em voz alta. Pois bem, ela agora permitirá a organização de frases favoritas ou usadas frequentemente em categorias, para que não seja necessário digitá-las todas as vezes.

Além disso, a Apple também deve acrescentar “atalhos de voz adaptáveis”, que permitem mapear frases personalizadas para um recurso de acessibilidade específico. Dessa forma, se você disser uma frase personalizada específica, poderá iniciar o recurso de acessibilidade específico. Dessa forma, se você disser uma frase personalizada específica, poderá iniciar o recurso de acessibilidade ao qual a vinculou.

Troca de mensagens mais fácil entre Android e iOS
Embora essa novidade não tenha impacto tão grande no Brasil, onde apps como o WhatsApp e o Telegram dominam a troca de mensagens, a Apple deve implementar o suporte para RCS em seu telefone. Esse tipo de mensagem é um serviço alternativo ao SMS, mas do qual a Apple não participava. Isso deve mudar a partir do iOS 18.

Fonte: UOL – Aurélio Araújo, Colaboração para Tilt, de São Paulo.

Publicado por

Picture of Vinicius Gustavo 102 FM

Vinicius Gustavo 102 FM

Compartilhe esta notícia

Notícias relacionadas

Publicidade

Outras notícias