Siga nossas redes sociais →

Usuário do SUS agora pode incluir raça, nome social e orientação sexual no sistema

Publicidade

Usuário do SUS agora pode incluir raça, nome social e orientação sexual no sistema

Usuário do SUS agora pode incluir raça, nome social e orientação sexual no sistema

A partir de agora, o aplicativo Meu SUS Digital permite que os usuários incluam informações sobre raça/cor e nome social. Além disso, é possível inserir dados sobre orientação sexual e identidade de gênero na ficha de cadastro das unidades básicas de saúde (UBSs). Essas informações autodeclaradas serão integradas ao Cadastro Nacional de Usuários do SUS (CadSUS) e estarão disponíveis em todas as UBSs do país. O objetivo é garantir a integridade das informações prestadas via Sistema Único de Saúde e melhorar o mapeamento de condições de saúde de diversos grupos da sociedade, além de viabilizar políticas públicas específicas.

Para atualizar esses dados, o usuário deve acessar o aplicativo e responder à autodeclaração obrigatória sobre raça/cor. A aba “Meu Perfil” permite a edição do nome social e do endereço.

Com a nova atualização, o sistema do SUS oferece sete opções de orientação sexual: heterossexual, gay, lésbica, bissexual, assexual, pansexual e outra. Além disso, há sete identidades de gênero disponíveis: homem cisgênero, mulher cisgênero, homem transgênero, mulher transgênero, travesti, não-binário e outras.

Publicado por

Picture of Vitor Hugo

Vitor Hugo

Compartilhe esta notícia

Notícias relacionadas

Publicidade

Outras notícias